Os 6 exemplares do Centavo de 1922

Desde a primeira moeda da República até às últimas em 2001

Moderadores: smertola, Moderador de Honra

Mensagem
Autor
Sim_Abelha
Sou só um euro caloiro
Mensagens: 2
Registado: segunda mar 13, 2006 5:03 pm

Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#1 Mensagem por Sim_Abelha » quarta mar 21, 2007 4:15 pm

Caros Membros do Fórum,

Tendo lido os tópicos sobre o assunto, parece haver grande dúvidas sobre onde estão exactamente os famosos 6 exemplares da moeda de 1 centavo de 1922.

Fiz alguma pesquisa e identifiquei 4 fotografias que parecem ser de exemplares diferentes da moeda, todos tidos como originais:

1. Centavo trocado nas permutas da ANP em 2006
Imagem

2. Centavo na posse do Sr. Ivo Borges
Imagem
Imagem

3. Centavo vendido no Leilão 69 Numisma Dezembro 2006
Imagem

4. Centavo vendido no Leilão 53 Numisma Outubro 2002
Imagem

Encontrei além disto referências que foram também leiloados centavos num leilão da Numisma em 1990 e num leilão em 1978 (que poderão, eventualmente, ser os mesmos que mostrámos acima).

Um dos membros do fórum também referiu que existirão exemplares nas colecções da Casa da Moeda, do Millennium bcp e da Lusitânia. Ora, só aí já temos sete exemplares!

Gostaria por isso de por as seguintes perguntas aos membros do fórum:
a) Alguém já viu as moedas que alegadamente estão nas colecções institucionais acima referidas – ou consegue arranjar fotografias das mesmas para compararmos (e até eventualmente saber quando foram adquiridas para as colecções)?
b) Alguém tem cópia dos catálogos dos leilões de 1990 e de 1978 para vermos se são os mesmos exemplares ou exemplares distintos?

Julgo que seria interessante fazer um apuramento certeiro das transmissões históricas das 6 moedas, o seu paradeiro actual, e se possível colocar um tópico com as fotografias de todos os exemplares.



Bandadolopes
Reinado D.Pedro I
Mensagens: 1443
Registado: domingo mai 08, 2005 2:00 am

#2 Mensagem por Bandadolopes » quarta mar 21, 2007 4:34 pm

Não sei se é verdade ou não, mas parece que o centavo da permuta ANP 2006 será o mesmo do Leilão 69 da Numisma em Dezembro passado.

Ouvi dizer ...
Cumprimentos,

Alberto Praça

Avatar do Utilizador
Laulo
Reinado D.Sancho II
Mensagens: 1880
Registado: sexta nov 05, 2004 10:49 pm
Localização: Caldas da Rainha

#3 Mensagem por Laulo » quarta mar 21, 2007 4:48 pm

Esclarecer que o centavo nº. 4 , já foi vendido por mais de uma vez , a última tinha sido em 1990, o que deve acontecer com mais algum.

Alfonsvs
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4489
Registado: segunda abr 04, 2005 11:31 am
Localização: Barcelos - Portugal

#4 Mensagem por Alfonsvs » quarta mar 21, 2007 10:24 pm

O centavo do Ivo é o mesmo que depois foi vendido no leilão nr. 69 da Numisma, em Dezembro de 2006

O. da Permuta nr 103 da ANP, em Setembro de 2006, não teve interessados.

Pelo que sei, não são conhecidos mais de 6 exemplares verdadeiros.
O nosso caro amigo Ivo Borges, resumia assim o paradeiro das 6 conhecidas, em Março de 2005:
«por aquilo que tenho conhecimento o paradeiro das 6 moedas

1-casa da moeda ou banco de portugal
2 grupo millennium
3 grupo lusitana
4 presidente da associação das farmacias
5 Sr Silvino
6 Ivo Borges»

Aqui a história toda: http://forum-numismatica.com/viewtopic. ... c&start=15

Este, vendido por 61.000 Euros na Numisma nr. 53, em Outubro de 2002, penso que é o mais bonito que se conhece:
Imagem

Nota:
Falsas e viciadas com grande perfeição são conhecidas mais de 10.
Viciadas de forma mais tosca, são às centenas.

:)
José Matos

RuiMFRelvas
Senhor Escudo da I República
Mensagens: 26
Registado: segunda out 31, 2011 6:37 pm

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#5 Mensagem por RuiMFRelvas » segunda out 31, 2011 10:19 pm

" in memoria"
de Padre Joaquim de Sousa Lamas

Pode-se acrescentar, mais um centavo de 22 nesssa lista.
Não me é permitido, revelar o seu dono, mas vi-o, estive com ele na mão, e é verdadeiro

A moeda de 1 centavo de 1922, tem uma historia divertida e veio nos jornais da epoca. Fica a promessa de quando encontrar o recorte, colocalo aqui no forum.

Reza o titulo da noticia mais ou menos assim:
"Moeda trocada por carro"

E é verdade, a primeira moeda de 22, foi descoberta pelo Padre Joaquim. Sendo depois trocada pelo seu carro.
Na altura, o valor do carro seria de 70.000$00, ou da moeda, conforme o ponto de vista.

Essa moeda esta hoje numa coleção, pouco divulgada.

Para os que não conheceram, nem ouviram falar, o Padre Joaquim, foi um grande colecionador, partilhando a sua paixão com grandes da numismatica, do tempo da fundação da SPN. Era conhecido por todo o Portugal Numismatico. Teve a possibilidade de ter uma das maiores coleções do seu tempo, que no referente à monarquia nacional, talvez hoje ainda não tenha sido reunido outro conjunto igual. Essa coleção foi vendida, não se sabendo hoje o paradeiro dela, e se ainda se mantem reunida. A titulo de exemplo, a coleção teve os 1000reis de 1900(essa mesmo). Os reinados de D.Miguel, D.MariaII, D.PedroV, D.Luis, D.Carlos,D.ManuelII, e Republica, estavem completas. Os 5$00 da Republica, bem como um grande numero de ensaios e provas.
Para tras, a coleção era constituida por moedas de todos os reinados.
Foi pessoa de grande valor humano, sempre disposto a ceder aos interesses dos outros. Acho que no desempenho do seu sacerdocio, ninguem ouviu um não. A terra onde exerceu, tudo fez pelos seus habitantes, bem como deixou obra a bem da freguesia.

Peço desculpa aos foristas, se acharem, esta minha intervenção, maçadora e fora de contexto, mas penso ser uma forma simples de prestar uma pequena homenagem a um homem que muito fez pelo colecionismo das moedas

a minha humilde gratidão a este grande Homem

Rui Relvas

tiberius
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 3458
Registado: sábado set 10, 2011 12:51 pm

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#6 Mensagem por tiberius » segunda out 31, 2011 10:37 pm

RuiMFRElvas

Só consigo dizer que seu post é fundamental.
Parabens.
Muitas vezes, no correr dos dias, esquecemos esse GRANDES HOMENS que deram contribuições fundamentais para alguam área da cultura humana.
No Brasil, sei de muitos padres que tiveram papel fundamental na arqueologia. Cito, por exemplo, PAdre Rohr, que estudou cítios arqueológicos na década de 70 na serra Catarinense, e que até hoje, não voltaram a ser estudados por acadêmicos.
Visite minha galeria (em construção).
http://www.forumancientcoins.com/galler ... ?cat=34492

Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10637
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#7 Mensagem por tm1950 » segunda out 31, 2011 11:01 pm

Já tinha ouvido falar no Pe Joaquim e no seu Centavo de 1922, como sendo verdadeiro.
Não se sabe como o conseguiu, nem a quem o vendeu. :thumbs:
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10637
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#8 Mensagem por tm1950 » segunda out 31, 2011 11:03 pm

A lista apresentada acima já não está correcta, pois o BES tem um exemplar.
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

Avatar do Utilizador
EUROESCUDO
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4916
Registado: sábado mar 07, 2009 12:07 pm
Localização: Maia - Porto - Portugal
Contacto:

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#9 Mensagem por EUROESCUDO » segunda out 31, 2011 11:30 pm

Também falta o exemplar da Gaiola, neste caso não 6 mas 8 Exemplares.!! :thumbs:
C/ Melhores cumprimentos:
M E N D E S
€uroe$cudo

Consulta Rápida do Fórum ---- Literatura On-line [PDF]

Avatar do Utilizador
jmilheiro
Reinado D.Maria I
Mensagens: 496
Registado: quarta nov 05, 2008 12:27 pm
Localização: coimbra

Re: Os 6 exemplares do Centavo de 1922

#10 Mensagem por jmilheiro » terça nov 01, 2011 12:33 am

Não sei porquê?... mas tenho um especial fascinio pelos mitos das moedas mais raras da nossa numária e de todas as estórias que vão gravitando em torno das mesmas, acho que essas estórias são o D. Sebastião de qualquer coleccionador, o acreditar que um dia vai nos chegar ás mãos a Pedra Filosofal da nossa Colecção.
Quer esse Sebastião venha ou não, mantemos em aberto um lugar especial num album qualquer, e nos dias que correm acreditar é uma palavra já pouco usada, mas certamente será (embora que naíf) uma alavanca da nossa vontade.
Já tinha ouvido falar e lido sobre esse padre e aqui lhe deixo a minha admiração.
Por outro lado, aposto cinco contos de reis (a minha nota preferida é o "António Sergio") que caso qualquer uma dessas moedas aparecesse aqui na perspectiva de avaliação, a grande maioria diria que eram falsas ou viciadas.
Cumprimentos,
jmilheiro

Responder

Voltar para “República Portuguesa”