Algumas moedas de Moçambique no século XIX

Moderadores: smertola, Moderador de Honra

Responder
Mensagem
Autor
Alfonsvs
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4425
Registado: segunda abr 04, 2005 11:31 am
Localização: Barcelos - Portugal

Algumas moedas de Moçambique no século XIX

#1 Mensagem por Alfonsvs » domingo mai 16, 2010 1:09 pm

D. João VI

40 Réis de 1820
AG 02.01

ImagemImagem

Apesar de no catálogo Alberto Gomes constar o seguinte:
«As moedas desta série cunhadas no Rio de Janeiro para S. Tomé e Príncipe, no ano de 1820, foram por qualquer razão (supõe-se que por engano) desembarcadas em Moçambique e postas lá a circular. Por este motivo, o ano de 1820 desta série faz parte da numária moçambicana».
A explicação poderá ser outra:
Inicialmente alguma dúvida existiu quanto à verdadeira origem das primeiras moedas em nome de D. João VI para S. Tomé e Príncipe, que originou controvérsia entre numismatas portugueses e brasileiros.
O Aviso de 27 de Outubro de 1819, publicado no Rio de Janeiro, refere que os fundos necessários para a manutenção das ilhas de S. Tomé e Príncipe são enviados regularmente da Capitania da Baía, e ordena que a Casa da Moeda do Rio de Janeiro envie para a Casa da Moeda daquela cidade os cunhos necessários à produção de moeda privativa para aquele arquipélago.
As emissões de 1819 e 1820 foram feitas na Casa da Moeda do Rio e parte da de 1819 na Casa da Moeda da Baía. As emissões de 1821 e 1822 foram cunhadas tanto em Lisboa como na Baía, e a de 1825 só em Lisboa.
No entanto a emissão de 1820, de acordo com o Aviso de 9 de Agosto de 1820, foi totalmente destinada a Moçambique, o que é, aliás, atestado pelos achados monetários, feitos em São Tomé e em Angola e por informações vindas de Moçambique. Segundo aquele aviso, são enviados do Rio de Janeiro, pela charrua Lacónia, para o escrivão da Junta da Fazenda da capitania de Moçambique, 20 contos de réis em moedas provinciais de cobre, acondicionadas em vinte e nove barris.
Deviam estas moedas correr em Moçambique pelo dobro do seu valor facial; e como eram do mesmo peso das de S. Tomé, assim se lucrava o dobro que o erário tinha com a amoedação para estas ilhas. Correu pois esta emissão por cerca de um dezasseis avos da equivalente moeda de Portugal.

&x&x&

D. Maria II

20 Réis de 1840
AG 01.00
Em 1836, a abolição da escravatura determinou graves dificuldades em Angola e de um modo geral em todos os territórios da costa ocidental de África, pois cessou a entrada de fundos em metal sonante derivada daquela prática. Naquela colónia as cédulas começaram a circular depreciadas por falta de cobertura em moeda metálica, havendo necessidade em 1837 de aumentar em 25% o valor das moedas de prata e de passar para o dobro o valor das de cobre, mediante aposição de um carimbo com o escudo nacional coroado. Na costa oriental de África, a situação continuava pouco brilhante, e em 1840 houve necessidade de enviar de Lisboa numerário de cobre cunhado especialmente para correr em Moçambique.
ImagemImagem

&x&x&

Em Moçambique, por terem começado a aparecer no giro moedas falsas das de produção local, foi determinado em 1851, a sua carimbagem, a fim de se detectarem e apreenderem as falsificações. Além da moeda já mencionada, foi feita em 1853 uma emissão de moeda de cobre, parte da qual correu também no reino.

I Real em cobre de 1853
AG 04.01
ImagemImagem

II Réis de 1853
AG 05.01
ImagemImagem

:)


José Matos

rodrigoleite
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 5127
Registado: terça jul 21, 2009 12:55 am
Localização: Rio de Janeiro, Brasil

#2 Mensagem por rodrigoleite » domingo mai 16, 2010 2:43 pm

Belas moedas. :clap3: :clap3: :clap3:
Algumas moedas de 40 Réis de 1820 também circularam no Brasil (mais precisamente no Rio de Janeiro) ao seu valor facial, pois tinham diâmetro e peso semelhanes às de XL Réis.
Rodrigo Leite

Scientia nvmismatica ad omnivm gentivm.

limburgo
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4029
Registado: domingo mai 10, 2009 10:01 am

#3 Mensagem por limburgo » domingo mai 16, 2010 2:55 pm

Muito bonitas, parabens :clap3: :clap3:
Se a inveja matasse a humanidade já nao existia.
Cumps Paulo

Avatar do Utilizador
jfialho
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 3336
Registado: domingo jun 15, 2008 8:53 pm
Localização: Viana do Alentejo

#4 Mensagem por jfialho » domingo mai 16, 2010 3:10 pm

Muito bonitas :clap3: :clap3: :clap3:
jfialho

Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10658
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

#5 Mensagem por tm1950 » domingo mai 16, 2010 3:34 pm

Exemplares de primeiríssima água. :clap3:
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

Responder

Voltar para “Moçambique”